Brasil, 1 de Outubro de 2016
A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

FiscALL Soluções recupera mais de R$15 milhões em impostos no ano de 2015

Companhia consegue reverter valores pagos a mais por falha na interpretação da legislação tributária

O atual momento econômico no Brasil impõe um nível de concorrência muito elevado entre as empresas. A necessidade de fazer mais com menos nunca esteve tão atual. Nesse contexto, as organizações necessitam melhorias não apenas pela sobrevivência, mas pela possibilidade de crescer em meio à crise.

No âmbito tributário, muitas empresas se esquecem que é possível avaliar operações passadas, claro que dentro dos limites impostos pela lei, mas em muitos casos pode-se melhorar a forma de tributação e contabilização de ações que já foram executadas. Pensando nisso, a FiscALL Soluções, companhia especialista em auditoria, consultoria tributária e contábil oferta o serviço de Diagnóstico Fiscal, sendo que em 2015 conseguiu recuperar mais de R$ 15 milhões em impostos para seus clientes, cujo volume foi pago a mais por falha na interpretação da legislação tributária -- que de fato é uma das mais complexas do mundo.

“As operações diárias podem esconder várias formas admissíveis de creditamento dos tributos indiretos, sejam eles PIS, COFINS, ICMS ou IPI, que não estão sendo aproveitados em sua totalidade. Apesar dos valores individuais serem pequenos inicialmente, em um período mais longo, as diferenças podem ser significativas. Por exemplo, um montante de R$ 1.000,00/mês de créditos de ICMS que não foram aproveitados poderão gerar até R$ 12.000,00/ano de pagamento a maior deste imposto”, esclarece o CEO da FiscALL Soluções, Tiago Coelho.

Levando em consideração que 40% das empresas pagam mais impostos do que deveriam, segundo dados da IOB, em tempos difíceis, é de extrema necessidade que as empresas se atentem para possíveis creditamentos para benefícios próprios. Segundo o executivo, algumas formas mais comuns de créditos habitualmente não aproveitados são: Fretes CIF; Imobilização/ Manutenção (peças de reposição); Energia; Aquisições de combustíveis/lubrificantes; Comunicações; Insumos consumidos durante o processo produtivo, e tantos outros segmentos.

Coelho, aponta ainda que, a “correta gestão tributária otimiza em pelo menos 3% a rentabilidade das empresas e mais 60% das empresas que optam pelo lucro presumido poderiam estar pagando menos se estivessem no lucro real, pois ainda prevalece a mística de que o lucro real é mais caro, expõe dados, exige maiores controles e por aí vai, o que é uma verdadeira falha no entendimento de muitos empresários”, finaliza o executivo.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte.
 www.segs.com.br

Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo

Compartilhar ou Seguir

Sobre nós::

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::

SEGS NO SEU IDIOMA::
Portuguese English French German Italian Russian Spanish