CPMF, o eterno bode na sala

José Maria Chapina Alcazar (*) 

Ao propor a volta da Contribuição Provisória sobre Movimentações Financeiras (CPMF), extinta há oito anos, como solução para a crise financeira que se abate sobre o país, o discurso proferido pela “presidenta” da República na abertura dos trabalhos do Congresso Nacional soou tão falso como nota de R$ 3.

Leia mais ...
Assinar este feed RSS