A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

Refletindo Sobre Ciclos, Fechamentos E Recomeços

  • Escrito por  Lilian Sanches
  • Publicado em Seguros
  • Imprimir
  • Compartilhar::

Nossa vida é cheia de ciclos. Precisamos identificar o estágio de cada situação, saber quando é hora de reduzir o ritmo ou até mesmo encerrar algo. Necessitamos de tempo para refletir e decidir, mas nos acostumamos com o ritmo frenético e passamos a achar tudo normal. Fazemos planos, colocamos muitas coisas na agenda sem tirar outras, não fazemos concessões. Tentamos fazer tudo o que todos fazem , mas esquecemos de nós mesmos.

Final de ano é hora de parar, olhar para o que estamos fazendo, como estamos tocando a vida. 2016 foi um ano bom ou ruim pra você? Pode ter sido tudo num único ano.

Assim é a vida, cheia de ciclos, altos e baixos.
É necessário identificar o estágio de cada situação, saber quando é hora de reduzir o ritmo ou até mesmo parar.

Para que isso aconteça, é preciso fazer pausas, ter tempo de processar tudo, refletir. Em geral, as pessoas se acostumam com o ritmo frenético e passam a achar tudo normal. Fazem mil planos, colocam muitas coisas na agenda sem tirar outras, não fazem concessões. A nossa sociedade ensina que é necessário ser e fazer tudo o que todos fazem – e cada vez melhor.

Ser adulto hoje é como ser uma versão melhorada do Super-Homem, tendo forças para aguentar o que vier, se autorregenerar como o Wolverine e estar pronto para a balada depois de cada batalha, como o Homem de Ferro.

Neste processo de cobranças e superações de limites, as pessoas apenas tem se esquecido de algo fundamental: que são seres humanos.

Lilian Sanches, coach e especialista em transições da Intentus Consultoria fala sobre isso: "É preciso colocar um freio em tudo isso, em todo esse ritmo frenético de necessidades e vontades para definir: o que realmente precisamos em nossas vidas? Mantemos muitas coisas ativas, rodando juntas, porque não queremos perder nada, nos comparamos demais ou não analisamos o funcionamento da nossa máquina interna – a máquina das vontades, necessidades e da suficiência. Olhe para sua vida: o que poderia deletar, o que poderia eliminar, o que poderia ser menos intenso?"

Em resumo: é preciso definir quais ciclos você precisa encerrar. Podem ser ciclos profissionais, relacionamentos, projetos, sonhos, vontades. "Muitas coisas que temos e somos foram importantes em algum momento. Mas depois não são mais. Precisamos olhar pra nossa vida e saber identificar o que realmente preciso, o que ainda faz sentido, o que realmente é importante pra mim. E encerrar, deletar, se libertar do que não serve, do que não quero, do que não faz mais sentido na minha vida atual" finaliza Lilian Sanches.

Feche seus ciclos e liberte-se para novas histórias.

Fechar ciclos, encerrar coisas pendentes, se livrar do que não te serve tem um papel fundamental: abrir espaço para o novo, renovar as energias, liberar o fluxo e o movimento para que coisas novas aconteçam, pessoas novas se aproximem, situações inusitadas e inesperadas aconteçam.

Enquanto uma pessoa permanece num emprego ruim, num relacionamento errado, ela pode perder a oportunidade de estar no lugar e com a pessoa correta. A mesma regra vale para coisas e bens: se uma pessoa investe seu dinheiro numa coisa que não é tão importante, pode ficar impossibilitada de adquirir algo que faria mais sentido depois.

As transformações acontecem quando encerramos ciclos e abrimos novos caminhos, novas histórias. E porque muitas vezes repetimos tudo novamente, os mesmos erros?

Planejamento é fundamental. Mas nem só dele se faz uma vida feliz e equilibrada. Saber acompanhar, sentir o ritmo e reprogramar é fundamental. Aprender a lição, corrigir o que precisa ser corrigido e não pegar atalhos ou caminhos que já sabemos que não levam à lugar algum.

E por mais que as pessoas façam promessas e planejamentos maravilhosos de início de ano, de uma coisa ninguém escapa: da rotina, que impõe o seu ritmo e faz tudo voltar a ser como sempre foi.

Lilian Sanches diz: "Uma pessoa que está fechando o ano esgotada é bem possível que no próximo ano siga novamente por este caminho: de se sobrecarregar, assumir mais coisas do que deveria, viver a milhão. E uma pessoa que procrastinou, deixou muita coisa pra trás, também bem provável irá repetir estes comportamentos no novo ciclo. Para recomeçar ciclos de forma saudável é necessário estar atento, consciente, e corrigir comportamentos, fazendo as pazes com quem você é de verdade. Autoconhecimento é a chave para a evolução".

Olhe pra você com amor, aceite suas falhas, seus erros e potencialize o que você tem de melhor. Essa mudança irá permitir que você transite pela vida de forma mais leve e autêntica.

Identificar o que (e quem) te faz bem, saber o que te veste melhor, qual alimento te traz mais energia e disposição, quantas horas de descanso você precisa, o que você quer conquistar e do que pode abrir mão são etapas fundamentais para você conseguir fazer as mudanças que precisa e assim, iniciar e fechar os seus ciclos de forma leve, deixando toda a sua essência brilhar.

Encerre seus ciclos, aumente o som e se divirta, a festa é sua!

Lilian Sanches, autora do texto, é especialista em ajudar pessoas que buscam uma vida mais feliz a fazerem transições de vida e carreira. www.intentus.me

Website: http://www.intentus.me/cursos-e-agendas/

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...
 
www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo

Sobre nós::

 

Siga-nos::

 

Notícias::

Mais Itens::