A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

Investimento privado em questões sociais cresce durante a crise, aponta estudo

  • Escrito por  Hugo Oliveira
  • Publicado em Demais
  • Imprimir
  • Compartilhar::

Investimento em responsabilidade social é uma das tendências para o mundo corporativo. Embora a economia brasileira tenha regredido, uma pesquisa mostra que a atenção que empresas dão ao assunto vem crescendo. É o que aponta a o relatório Benchmarking de Investimento Social Corporativo (BISC), divulgado em 2016. Segundo o levantamento, o investimento privado no social registrou aumento de 11% na virada de 2014 para 2015.

Em Goiás, uma das pioneiras na preocupação com a Responsabilidade Social é a Consciente Construtora e Incorporadora, que também é uma das poucas corporações engajadas no compartilhamento dos resultados de seus investimentos. A última atualização do seu Relatório de Sustentabilidade, referente ao biênio 2014/2015, apontou que a preocupação com o social tem suas vantagens. A empresa registrou crescimento de 17,3% no período analisado, alta obtida em pleno período de crise, quando a retração do Produto Interno Bruto foi de 3,8% e recuo do segmento da construção civil na ordem de outros 7,6% em 2015.

Para a analista de responsabilidade socioambiental da empresa, Flávia Felipe, o crescimento obtido tem íntima associação com o investimento no social. “É por meio desses trabalhos, da preocupação com o meio ambiente, com a sustentabilidade, com o colaborador e com a comunidade que a empresa se torna cada vez mais forte”. Para obtenção dos indicadores, a Consciente utiliza a plataforma online do Instituto Ethos, que permite uma auto avaliação do desempenho empresarial com enfoque na responsabilidade social. “Com isso, realizamos testes anuais para avaliar nossos indicadores, comparando com outras empresas do ramo”.

Crescimento

Durante o biênio 2014 e 2015, a Consciente Construtora e Incorporadora entregou, rigorosamente em dia, quatro residenciais e lançou um mixed use comercial. Mas o crescimento econômico não está vinculado somente ao resultado comercial de vendas, como mostra o documento, mas também nos investimentos no seu público interno, nas ações ambientais e de relacionamento com a comunidade.

“O relacionamento com nossos stakeholders foi fundamental para, em período de economia retraída, fortalecermos nossas parcerias, conquistarmos a preferência do consumidor e motivamos a equipe. O relatório de sustentabilidade mensura justamente o retorno dos investimentos que, apesar de não estarem diretamente ligados à nossa atividade principal, impactam em seus resultados”, considerou o presidente da Consciente, Ilézio Inácio Ferreira. A elaboração foi feita conforme parâmetros da Global Reporting Initiative (GRI), a mais respeitada organização internacional que normatiza os padrões para redação de relatórios de sustentabilidade.

Presente no lançamento do Relatório de Sustentabilidade, o vice-presidente da Fieg, Antônio Almeida, lembrou que o engajamento social das empresas é um desejo do consumidor, uma tendência mundial sem volta. “A Consciente Construtora e Incorporadora é uma das empresas que perceberam essa demanda e saíram na frente em Goiás com as práticas sociais”, considerou. Para ele, o investimento traz como retorno a confiança, a credibilidade, fidelização e a valorização dos produtos de uma marca.

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...
 
www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo

Sobre nós::

Siga-nos::

 

Notícias::

Mais Itens::