A- A A+

TOKIO MARINE SEGURADORA

Ceias de Natal e Réveillon - oportunidade de encantar o cliente e agregar ao faturamento

  • Escrito por  José Maria Filho
  • Publicado em Demais
  • Imprimir
  • Compartilhar::

As festas de fim de ano estão chegando e podem ser ótimas oportunidades para o gestor de restaurante explorar seu potencial, aumentar o faturamento, surpreender e encantar o cliente numa época especial de confraternização, oferecendo o serviço seja no restaurante, em domicílio ou dellivery

Como o restaurante deve planejar o cardápio, como inovar na construção deste cardápio fugindo dos itens que tradicionalmente os consumidores preparam em casa, são minhas dicas neste artigo ao gestor do restaurante, para obter sucesso neste serviço especial e melhorar o faturamento.

Primeiro, o trabalho deve ser em conjunto: o gestor com o cozinheiro e/ou um consultor especializado, para a elaboração de novas receitas com a cara e o jeito do local de preparo (restaurante, bufe, padaria, dentre outros). Aí o que vale é a criatividade, o bom senso e o capricho. Em tempos de crise, podemos fugir dos pratos tradicionais, com opções mais simples, como por exemplo, lagarto recheado com farofa e bacon ou bisteca ao molho de laranja ou mude a apresentação da iguaria, por exemplo: arroz, colocar o arroz em formas (a de pudim fica ótimo), desenforme e decore na hora de servir. Fica incrível e diferente!!!

A nostalgia e a magia da época requer pratos visualmente encantadores, mas o sabor é igualmente importante

O fator mais impactante é a visão, como o prato será apresentado é o mais importante. Logo deve-se ter muita atenção neste quesito. Depois vem o paladar. A comida precisa estar bonita e gostosa.

A decoração

Habitualmente as empresas de alimentação têm parcerias com empresas de aluguel de objetos e utensílios de decoração de mesa e festa, principalmente os bufes. O melhor é o estabelecimento oferecer todas as soluções possíveis para os clientes. Escutar o que o cliente quer e precisa. Montar uma ceia personalizada é a melhor saída.

Oferecer um brinde ou lembrança agregado a ceia traz encantamento

Todo cliente gosta de ser mimado e lembrado. Uma pequena lembrança, mesmo que seja um cartão de boas festas ou alguma preparação em tamanho menor, para o cliente degustar, são ideias boas e não encarecem o custo final. Porém esse mimo precisa ser personalizado, o cliente precisa perceber que aquele presente foi feito especialmente para ele. Uma ligação avisando que a empresa está mandando algo a mais, é bem vinda.

Outra dica importante é o estabelecimento focar naquilo que é sua especialidade. Por exemplo, se o restaurante é especialista em massas caseiras, desenvolva uma receita especial e não convencional para o fim do ano que envolva o que sua empresa faz de melhor. Coloque um nome no prato que instigue a curiosidade de experimentar e saber o que é. E por fim, pense num jeito de apresentação e dê preferência a sugestões inovadoras e diferentes. Faça o seu melhor com muito capricho e com certeza, seu cliente será surpreendido e ficará satisfeito.

Planejamento, treinamento e estratégias de divulgação são importantes para o sucesso do serviço

Pensando em retorno financeiro para o negócio, o que considerar no momento da compra dos itens que irão compor este cardápio. Levando em conta que muitos produtos são sazonais, importados, quais custos devem ser incorporados na planilha, para não ter prejuízo?

Primeiro, o planejamento de cardápio precisa ser feito o mais breve possível, assim, o comprador poderá começar as negociações com antecedência e consequentemente melhorar seu desempenho, além de ter mais tempo para procurar novos fornecedores. Depois a equipe de cozinha terá um período para o treinamento, logo o desperdício, tende a reduzir, com essa ação antecipada poderão surgir novas ideias de uso para os alimentos que não foram utilizados. A escolha dos ingredientes deve ser bem pensada e ponderada. Há pessoas que não abrem mão de ceias tradicionais, logo esses itens precisam ser comprados. Porém, com um marketing bem feito, um cardápio mais simples e muito caprichado pode ser uma boa alternativa para os clientes e para a empresa.

Planejamento e treinamento da mão de obra

Pode-se antecipar a produção utilizando algumas técnicas como o cook chill (congelamento e regeneração dos alimentos que mantém as características originais) é seguro e fica ótimo. Neste processo o gestor, programa as tarefas com a equipe da casa, que estará treinada e preparada para realizar tais pratos. Assim, as preparações mais elaboradas, ficarão prontas antes e as preparações mais simples, podem ficar a cargo da mão de obra extra. Se houver mais pedidos, a equipe, estará disponível para a realização dessas iguarias mais complexas. A dica estó no planejamento antecipado.

O que oferecer, qual composição?

O ideal é que a empresa tenha várias soluções para o cliente. Desde o cardápio completo, até os itens separados, com gramagens e tamanhos distintos. A empresa também precisa oferecer soluções de entrega dos pratos com recipientes apropriados com horários pré- definidos. Fidelizar clientes é de suma importância para a sobrevivência da empresa. Assim a organização não perde vendas e o cliente fica satisfeito. O que pode e deve ser realizado, é um desconto para a ceia completa e para pedidos antecipados.

E a bebida, como incorporá-las no serviço de ceias?

A decisão de oferecer bebidas no serviço de ceia vai depender da principal função e objetivo do estabelecimento. Normalmente as empresas que vendem ceias para o final do ano, não têm como complemento as bebidas. Porém é muito interessante, oferecer essas duas soluções juntas. Basta planejar e montar um cardápio que também ofereça bebidas e, se possível, fazer uma parceria com uma adega. Prever o que o cliente precisa também é uma forma de fidelizá-lo.

Qual é o melhor sistema para ofertar o serviço?

Caso o estabelecimento já explore esse serviço, oferecendo-o no local, ele já tem tradição, o cliente já espera fazer sua ceia no restaurante, mas nada impede que o serviço de ceia, com planejamento, antecipado e devidamente estudado, seja executado no domícilio, é mais comum em casos de bufes ou ofertado em entrega dellivery. Basta que o restaurante monte seu calendário. Logo, é necessária uma data limite para o cliente fazer esse tipo de pedido e para o gestor escalar e/ou contratar pessoas extras (treinadas) para esse tipo de trabalho.

Divulgando o serviço para atingir público-alvo

A melhor forma para se atingir resultados e fazer chegar a mensagem ao seu público-alvo é ter um mailing list. Tenha os contatos dos seus clientes. Mandar um email é a forma mais barata e mais fácil de impactá-los. Outras formas são as redes sociais, mantenha sempre atualizadas e com informações interessantes e pertinentes. Materiais impressos são mais onerosos, porém, quando bem feitos, com fotos, descrição dos pratos e os contatos da empresa, também são valiosos. A equipe também deve estar orientada a divulgar essa solução para todos os clientes do estabelecimento. Na verdade, o tipo de marketing dependerá do capital que a empresa está disposta a investir.

Caroline Gargantini é consultora para empresas de alimentação

Graduada em Nutrição pela Universidade São Judas Tadeu/SP e com MBA’s em Gestão Empresarial e Marketing pela Universidade Paulista – UNIP. Pós-graduada em Gestão da Qualidade e Controle higiênico-sanitário pelo Instituto Racine. Também realizou cursos de Marketing e Gestão de Pessoas na Fundação Getúlio Vargas – FGV.

É sócia-diretora da Conceito Equilíbrio onde atua com Marketing Experimental e na abertura e reestruturação de negócios na área de alimentação e otimização dos resultados ocupacionais. Também atua na área comercial e coordena projetos.

Redes sociais

https://www.facebook.com/conceitoequilibrio/

Instagran: conceitoequilibrio

Twitter: Conceito Equilibrio

Compartilhar::

Participe do GRUPO SEGS - PORTAL NACIONAL no FACEBOOK...: https://www.facebook.com/groups/portalnacional/

Separador
IIMPORTANTE.: Voce pode replicar este artigo. desde que respeite a Autoria integralmente e a Fonte...
 
www.segs.com.br
Separador
No Segs, sempre todos tem seu direito de resposta, basta nos contatar que voce sera atendido. - Importante sobre Autoria ou Fonte..: - O Segs atua como intermediario na divulgacao de resumos de noticias (Clipping), atraves de materias, artigos, entrevistas e opinioes. - O conteudo aqui divulgado de forma gratuita, decorrem de informacoes advindas das fontes mencionadas, jamais cabera a responsabilidade pelo seu conteudo ao Segs, tudo que e divulgado e de exclusiva responsabilidade do autor e ou da fonte redatora. - "Acredito que a palavra existe para ser usada em favor do bem. E a inteligencia para nos permitir interpretar os fatos, sem paixao". (Autoria de Lucio Araujo da Cunha) - O Segs, jamais assumira responsabilidade pelo teor, exatidao ou veracidade do conteudo do material divulgado. pois trata-se de uma opiniao exclusiva do autor ou fonte mencionada. - Em caso de controversia, as partes elegem o Foro da Comarca de Santos-SP-Brasil, local oficial da empresa proprietaria do Segs e desde ja renunciam expressamente qualquer outro Foro, por mais privilegiado que seja. O Segs trata-se de uma Ferramenta totalmente automatizada e controlada por IP. - "Leia e use esta ferramenta, somente se concordar com todos os TERMOS E CONDICOES DE USO".
Separador

voltar ao topo

Sobre nós::

 

Siga-nos::

Notícias::

Mais Itens::